sábado, 9 de setembro de 2017

Special One

Quem mais vai ao veterinário cheio de ataques de asma, a sufocar, aflito, leva 2 injeções, mais o termometro no rabo e, no meio disto tudo, só ronrona e pensa em dar beijos à veterinária?
Só mesmo o Icaro Manuel!
Finalmente resolvemos mais uns sustos que o malandro me deu. Está pronto para mais uns meses sem ataques.
Nunca é demais relembrar e apelar ao vosso bom coração: adoptem animais adultos das colonias de rua. Eles adaptam-se sim. E não só de bebes amorosos vive o amor. Tenho o Eros desde as 5 semanas de vida e o Icaro desde os (julga-se) 3 anos. São experiencias diferentes, desafios diferentes... mas ambos valem a pena. Contudo, não há sensação melhor que dar uma nova oportunidade de vida a quem já sofreu. Só assim se explica que o Icaro nunca reclame das injeções e distribua lambeijos entre médicos e enfermeiros veterinários, fazendo as delicias de todos.


Sem comentários:

Enviar um comentário